1. Home
  2. DESTINOS
  3. Rede Pestana anuncia que volta a funcionar em junho

Rede Pestana anuncia que volta a funcionar em junho

0
0

 

Os hotéis da rede Pestana em Portugal anunciaram que devem reinicias suas atividades em junho, verão europeu. Entretanto os valores das tarifas propostas pelas operadoras de turismo não estão sendo aceitas pelo Grupo. “Se é para abrir unidades no verão com descontos muito significativos, não vale a pena abrir”. A opinião é de Pedro Lopes, administrador do Grupo Pestana para o Algarve que participou esta sexta-feira, dia 17 de abril, na web conferência “Algarve: Preparar o Futuro”, que tem o apoio do Turismo do Algarve.

 

São 17 hotéis no Algarve e que segundo o Pedro Lopes o mercado interno representa cerca de 30% das room nights do Algarve. “A neoturis está a fazer um estudo sobre o impacto que a pandemia vai ter no turismo do Algarve este ano. No ano passado, o Algarve teve receitas de 2 mil milhões de euros em turismo. Este ano, vamos ter uma quebra, na melhor das hipóteses, de 50%, vamos baixar para mil milhões. Se dividirmos pelos 270 dias até ao final do ano, corresponde a menos 3,7 milhões de euros por dia”, disse ainda ele.

 

Pedro Lopes informou que não serão abertos todos os hotéis da rede Pestana. “Temos de nos ir adaptando à medida que os mercados vão abrindo. Vamos abrir unidades a partir de junho, provavelmente. Vamos abrir, se calhar, as menores, pousadas, alguns hotéis,” declarou ele.

Quanto à ameaça sobre os preços, o responsável afirma que é necessário “ter extremamente cuidado” e, se é para “abrir unidades no verão com descontos muito significativos, não vale a pena abrir”.

“Temos de ser inteligentes. Em vez de descontar significativamente os preços, devemos criar pacotes com outros serviços incluídos. Os operadores já querem reduzir o preço para números absurdos. Se é para reduzir para números absurdos mais vale mantermos os hotéis fechados e hibernados até que a retoma volte a sério. Este ano vamos abrir menos unidades, mas não vamos fazer descontos significativos”, garante, até porque “temos uma serie de atividades adicionais que têm o seu custo”.

O grupo está a preparar formação para as equipes e planos de contingência, que incluem o uso de máscaras e luvas. Quanto às apostas comerciais, o grupo vai apostar, sobretudo, no mercado digital, no mercado interno que é cliente direto e nos clientes que já são consumidores habituais do Grupo Pestana em Portugal e no resto do mundo.