Home CIA AÉREAS Embraer vende jatos executivos para Cazaquistão

Embraer vende jatos executivos para Cazaquistão

0
0

Mozart Luna-repórter/Brasil

A empresa brasileira Embraer conquista cada vez mais os espaços aéreos no mundo e desta vez fechou uma parceira com a empresa Air Astna do Cazaquistão que usar os modernos jatos executivos E2. O acordo tem como objetivo também realizar um programa de serviços e suporte para a manutenção da nova frota E2, jatos comerciais E-Jets da Embraer.

 

«A entrada em serviço do E2 marca o início da renovação da frota da Air Astana. Atualmente, a companhia opera nove jatos E190, o primeiro deles entregue em 2011, quando a empresa aérea aderiu ao Programa de Pool da Embraer», divulgou a fabricante brasileira em comunicado.

A empresa Air Astana recebeu o seu primeiro E190-E2 em dezembro de 2018 e começou e os utiliza em rotas domésticas. Satisfeita com o produto brasileiro a companhia aérea receberá ainda mais quatro E190-E2s em 2019.

 

A companhia brasileira  Embraer destacou que o programa de pool para as aeronaves E190-E2 da Air Astana prevê acesso ilimitado e cobertura total de manutenção para mais de 325 componentes.

 

«O Programa Pool de serviços da Embraer, que atualmente apoia mais de 40 companhias aéreas em todo o mundo, permite aos operadores minimizar investimentos em recursos e estoques de alto custo. Também garante acesso à “expertise” técnica da Embraer e sua ampla rede de provedores de serviços para reparação de componentes», concluiu a empresa.

 

Empresa brasileira atua em todo mundo. A Embraer atua nos segmentos de aviação comercial, aviação executiva, defesa e segurança e aviação agrícola.

 

Em Portugal, no Parque de Indústria Aeronáutica de Évora funcionam duas fábricas da Embraer, sendo que a empresa também é acionista da OGMA (65 por cento), em Alverca, distrito de Lisboa. Atualmente a Embraer é uma das quatro empresas que mais vende aeronaves no mundo e tem sido motivo de orgulho para os brasileiros.